Dicas de como escolher a franquia ideal para você

06 dez 2018 Na mídia

Escolher a franquia ideal para investir é um processo que exige tempo e muita pesquisa. O empreendedor necessita realizar uma verdadeira imersão no mercado para tomar uma decisão segura. Ainda assim, no momento da assinatura do contrato, é muito comum se perguntar: essa é realmente a melhor opção?

Antes de aprofundar o tema, entretanto, vale a pena dar uma olhada nos indicadores do setor de franchising. Segundo o último estudo divulgado pela Associação Brasileira de Franchising (ABF), o mercado apresentou crescimento médio de 7% em seu faturamento mesmo durante a crise econômica. Além disso, a taxa de encerramento de operações de novas franquias (com menos de dois anos) é inferior a 3%, ao passo que uma em cada três empresas independentes (33%) fecham as portas neste mesmo período.

Com números tão positivos a seu favor, aliados ao perfil empreendedor do brasileiro, é natural que cada vez mais pessoas apostem no franchising para iniciarem um empreendimento próprio. A seguir, listamos as principais dicas para encontrar a franquia ideal para você!

Analise seu perfil

Antes de correr para o Google e começar a buscar quais as melhores franquias, pare e faça uma autoanálise. Quais as suas experiências profissionais? E as suas afinidades? O que você não suporta? Qual o tipo de ambiente de trabalho em que você se sente mais confortável?

Conhecer o seu perfil é essencial para afunilar sua busca, sabendo quais mercados e tipos de negócio têm mais a ver com você. Apesar do suporte oferecido pelas franqueadoras, sua bagagem pessoal é muito importante para o sucesso do negócio – afinal, você será o dono.

Conheça sua área de atuação

O próximo passo parte para uma análise do ambiente externo, mais especificamente do mercado em que se pretende atuar. Identifique na região quais segmentos já estão saturados, com grande concorrência e players consolidados, e quais apresentam boas oportunidades de crescimento.

Conheça também o perfil dos consumidores, coletando dados como faixa etária, escolaridade, renda média, hábitos de consumo e quaisquer outras informações que possam ser relevantes ao sucesso de sua franquia. Muitas informações podem ser encontradas em estudos do IBGE e do Sebrae.

Pesquise… muito!

Conhecendo melhor o seu perfil e o de seu público, agora sim é hora de pesquisar as marcas com boas oportunidades de negócio. Além do Google, você pode encontrar muitas informações no site da Associação Brasileira de Franchising (ABF).

Em sua pesquisa, verifique o histórico da franquia e tempo de atuação, número de unidades, área de atuação, oportunidades, valores, estrutura da franqueadora e suporte ao franqueado. Caso necessário, monte uma tabela comparativa entre as marcas que mais lhe agradam, facilitando ao confrontar informações.

Conheça os indicadores do negócio

Possivelmente, o ponto mais importante ao analisar o investimento em uma franquia se trata da análise de seus indicadores. No geral, essas informações estão dispostas no site do franqueador, na apresentação do modelo de negócio ou são passadas ao potencial franqueado em uma reunião entre as partes.

Além do investimento inicial necessário (o qual inclui a Taxa de Franquia, aquisição de produtos, montagem de estrutura física, contratação de profissionais, etc.), tenha em mente o capital de giro necessário – ou seja, sua reserva monetária que será utilizada até que o negócio seja autossuficiente. Saiba o tempo médio para atingir o ponto de equilíbrio e retorno de investimento, valores de royalties, taxa de publicidade, faturamento mensal, custos fixos e lucratividade. Com todas essas informações, é muito mais fácil (e seguro) tomar uma decisão!

Franqueados

Por fim, antes de bater o martelo, converse com franqueados da rede de seu interesse. Eles poderão lhe dar um panorama real dos prós e contras do negócio, além de compartilharem experiências vividas.

Muitas franqueadoras dispõem das informações de contato das unidades em seu site, mas você também poderá encontra-las na Circular de Oferta de Franquia (COF). A COF é um documento legal, exigido pela lei 8.955 de 1994, entregue e assinado pelo candidato a franqueado, no qual se encontram todas as informações da marca (como royalties, indicadores, unidades em operação e unidades encerradas).

E então, pronto para escolher a franquia ideal para você? Neste artigo, você encontra 4 boas razões para investir no segmento de saúde e bem estar. Além disso, você encontra em nosso site mais informações sobre a franquia SNC!